Banco do Brasil deve inaugurar usina solar em Minas Gerais

Usina Banco do Brasil

O Banco do Brasil deve inaugurar em março uma usina de energia fotovoltaica (solar) em Porteirinha (MG). O projeto deve possibilitar uma redução de R$ 58 milhões na conta de luz em 15 anos.

Saiba mais

Accor e Visa formam parceria global

Bancos batem recorde em 2019, mas fintechs exigem adaptação, aponta Capital Research

Este é o segundo projeto confirmado do BB relacionado a energia renovável no Brasil. Em 2018, o banco, em parceria com a EDP, construiu uma usina de captação de energia da luz do sol em Januária, também no estado de Minas Gerais. A usina é utilizar para abastecer 58 agências do Banco no estado mineiro.

O presidente da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar), Rodrigo Sauaia, comentou sobre o novo projeto do Banco do Brasil. “Cada vez mais, por todo o país, é usada a energia solar, que traz benefícios como maior sustentabilidade, redução da conta de energia elétrica e oportunidade de geração de emprego”.

A energia produzida vai abastecer mais agências do banco no estado mineiro, diminuindo a produção de energia por meio de matérias poluentes. A ideia é economizar, gerando mais energias renováveis e poluindo menos o meio ambiente.

Cartão Kontaazul

Convite Konta Azul

Sem consulta ao SPC e Serasa, Deixe o seu e-mail.