Inscritos no Cadastro Único começam a receber auxílio emergencial

como receber auxílio emergencial pelo Cadastro Único

Em nossa situação atual de pandemia, o governo precisou bolar estratégias para amparar as famílias e não parar a economia. Com isso, o Cadastro Único vem como um grande aliado para que o auxílio emergencial seja pago para as famílias que mais necessitam e estão no cadastro único. Para quem não sabe, o cadastro único (CadÚnico) é um cadastro realizado pela prefeitura para mapear as famílias de baixa renda de um município e esse cadastro único é realizado através da visitação de um agente da prefeitura que faz uma entrevista para coletar os dados de uma família (renda, filhos, estado da casa, etc.). 

Você precisa saber também: Auxílio emergencial para MEI inicio de pagamentos

Cadastro Único Auxílio Emergencial de R$ 600 no Coronavírus

A forma de acesso ao auxílio emergencial de R$600 no Coronavírus funcionará diferente para as pessoas pois depende de vários requisitos. O cadastro único é uma forma de registro e mapeamento das famílias de baixa renda e para fazer o seu é necessário passar por quatro etapas:

  • Identificar e localizar famílias a serem cadastradas;
  • Coletas de informações das famílias;
  • Incluir as informações no Sistema de Cadastro Único;
  • Manutenção das informações existentes na base do Cadastro Único: 

Você precisa saber também: Aplicativo Caixa Auxilio Emergencial: Passo a Passo do Cadastro

É necessário apresentar os documentos pessoais de todos os integrantes da família para inclusão dos dados no sistema do Cadastro único e caso algum dos integrantes não possua um documento, o próprio agente da prefeitura pode auxiliar a família para agilizar esse processo. Alguns dos documentos básicos são CPF, título de eleitor, carteira de trabalho, RG, etc.

Para quem já está devidamente cadastrado não precisa se preocupar, pois a própria Caixa Econômica Federal pagará o benefício automaticamente e sem dor de cabeça. Isso será uma grande facilidade pois ajudará primeiramente a população que mais precisa além de não necessitar que elas façam nenhum cadastro adicional.

Cadastramento de pessoas sem documento

Como já afirmado, são necessários alguns documentos para que o cadastro único possa ser concluído. Os documentos pessoais dos membros da família como RG, certidão de nascimento, RANI nos casos de famílias indígenas são essenciais para que o cadastro único seja efetivado. Mas não se preocupe, se uma das pessoas ou mais integrantes não possuírem esses documentos, o entrevistador que se dirige a casa da família no momento da entrevista, também orienta e encaminha a família/pessoa para tirar os documentos necessários. É importante seguir as orientações do entrevistador, pois sem os documentos necessários, o cadastro fica incompleto e a família não pode participar de nenhum programa social. Muitos trâmites são inclusive gratuitos como no caso de uma pessoa que nunca foi registrada por exemplo e sua primeira certidão de nascimento é totalmente gratuita. 

você saber também: Receber seguro desemprego em meio ao coronavírus

Como será feita essa autodeclaração?

Não precisa ser só de baixa renda devidamente cadastrado em uma prefeitura para receber o auxílio emergencial de R$600,00 do governo. Basta obedecer os critérios que estão disponibilizados até pelo site da Caixa:

  • Ser maior de idade (18 anos);
  • Condição de desempregado, MEI, contribuinte individual da previdência social, trabalhador informal;
  • Família de renda mensal por pessoa que não passe de meio salário mínimo  (R$ 522,50), ou a renda familiar total seja de até 3 (três) salários mínimos (R$ 3.135,00);
  • Não ter emprego formal ativo;
  • Quem está recebendo seguro desemprego, benefícios previdenciários, assistenciais ou benefício de transferência de renda federal não tem direito, com exceção do Bolsa Família;
  • Não tem direito quem recebeu rendimentos tributáveis acima do teto de R$ 28.559.70 em 2018, de acordo com declaração do Imposto de Renda.

Se você se enquadra nestes critérios, a Caixa no dia 07/04 vai disponibilizar um aplicativo ou pelo site maneiras para que você possa solicitar o auxílio emergencial e autodeclarar a sua renda. Ainda não sabemos detalhes de como isto será feito porque o aplicativo nem suas funcionalidades foram divulgados, mas será em breve para que possamos sair dessa pandemia do Corona Vírus mais unidos e sem passar necessidade.

Cartão Kontaazul

Convite Konta Azul

Sem consulta ao SPC e Serasa, Deixe o seu e-mail.