Caixa deve abrir capital de duas subsidiárias em 2020

Caixa

A Caixa Econômica Federal deve abrir o capital de duas subsidiárias, a Caixa Seguridade e a Caixa Cartões, até meados do ano que vem. As informações foram publicadas pelo site Info Money.


Saiba mais

Publicidade

Caixa antecipa pagamento dos R$ 500 do FGTS

Caixa anuncia nova redução de juros em crédito imobiliário


Caixa inicia saque de R$ 500 do FGTS nesta sexta-feira, 13

Segundo a reportagem, para que o projeto saia do papel dependerá da aprovação do Tribunal de Contas da União (TCU) e da B3. Essa declaração foi feita pelo presidente do banco, Pedro Guimarães, durante uma palestra na FGV, no Rio de Janeiro.

“A abertura de capital de cada uma dessas empresas é relevante para melhorar a qualidade dos serviços. Ainda discutimos com qual fatia que a Caixa vai ficar. É uma discussão estratégica. O que não há é a discussão da privatização [do banco]. Essa é uma decisão do presidente da República e do ministro da Economia”, afirmou Guimarães.

Caso o cronograma seja seguido à risca, ainda no primeiro trimestre de 2020 deve ser concluído o IPO da Seguridade. A vez da Cartões deve acontecer no segundo trimestre.

Existe também a possibilidade de criação de uma nova empresa, a Caixa Asset, cujo principal ativo será compartilhado com investidores privados.

Recentemente, o banco começou a liberação do Fundo de Garantia por Tempo de Serviços (FGTS) no saque de até R$ 500 autorizado pelo governo. O banco divulgou oficialmente uma lista com as datas das liberações, levando em consideração a data de aniversário e se o contribuinte possui conta corrente ou poupança no banco.

Por outro lado, também é possível fazer o resgate de valores no saque-aniversário, diferentemente do saque de R$ 500. Para isso, é preciso entrar em contato com uma agência mais próxima para saber como proceder com este serviço.



Convite Pag Bank

Sem consulta ao SPC e Serasa, Deixe o seu e-mail.