Cuponomia adere ao cashback e oferece até 15% do valor da compra

Cashback Cuponomia

O Cuponomia, startup pioneira no segmento de cupons de desconto no Brasil, passa a atuar também no mercado de cashback e, além dos códigos promocionais oferecidos em parceria com diversas lojas do e-commerce, o portal irá devolver até 15% do dinheiro gasto nas compras aos usuários cadastrados no programa.

Saiba mais

Clientes estão aderindo ao cheque especial parcelado, aponta pesquisa

Americanas inova com app de compras com cashback

Com a incorporação deste novo modelo de negócio, a previsão do Cuponomia é que sejam devolvidos aproximadamente R$ 10 milhões aos usuários no próximo ano e que o volume de transações pelo site seja três vezes maior que o atual.

Segundo Antônio Miranda, CEO do Cuponomia, um dos diferenciais do modelo de cashback aplicado na startup é a possibilidade de saque direto na conta bancária do usuário. “A nossa maior motivação em incluir a opção de cashback no site é poder oferecer mais um benefício para o usuário do comércio eletrônico que, se quiser, pode optar pelo resgate em dinheiro na conta bancária”, comenta ele.

Nesta nova fase de operação, um dos grandes desafios pontuados pelo Cuponomia é adaptação dos consumidores à cultura do cashback que, por ter origem nos EUA, ainda não está totalmente inserida nos hábitos de compras dos usuários brasileiros. De acordo com Antônio, para um avanço mais acelerado deste modelo negócio pelas startups, também é importante que haja uma maior integração dos bancos com as transações, uma vez que, os altos custos operacionais, inerentes a este mercado, impedem que os benefícios para o usuário final alcancem uma escala maior.

Como utilizar o Cashback

Para fazer o resgate dos valores acumulados com as compras online, os usuários precisam ser cadastrados no site do Cuponomia (www.cuponomia.com.br) e, a partir de um saldo de R$ 20,00 em cashback, é possível solicitar a transferência do dinheiro para a conta bancária informada.

Cartão Kontaazul

Convite Konta Azul

Sem consulta ao SPC e Serasa, Deixe o seu e-mail.