Ferramenta digital simula portabilidade de financiamento imobiliário

Portabilidade

A Selic é a referência para os demais juros da economia e é definida pelo Copom em oito reuniões ordinárias ao longo do ano. Um dos reflexos da baixa da Selic são os juros imobiliários, que estão também diminuindo para motivar o consumo e compra de imóveis, mantendo a movimentação da economia.

Saiba mais

Para pessoas que tem um financiamento ativo de um imóvel pronto, anterior às baixas dos juros, é possível realizar um movimento que se chama ‘portabilidade do financiamento imobiliário’, com o grande objetivo de reduzir a taxa do financiamento atual.

“Existem casos de pessoas que pagam taxas próximos a 12%, 13% ao ano, que poderiam estar pagando abaixo de 6,99%”, comenta Fernanda Machado, co-founder da Felí, startup que atua como correspondente bancário digital e que desenvolveu uma ferramenta online para que interessados possam enviar seus dados e se candidatarem ao financiamento mais baixo.

“Esta portabilidade vai seguir os mesmos critérios da primeira contratação. Então, se o cliente segue tabela PRICE, ela vai se manter na PRICE. A quantidade de parcelas também não muda. O que muda é a taxa de juros, que serão menores, gerando parcelas menores e um saldo devedor menor. A portabilidade pode ser feita no mesmo banco ou o interessado pode mudar de banco”, explica a especialista.

Todo o processo pode ser feito diretamente pela pessoa interessada junto ao seu banco, entretanto, a Felí, como correspondente bancário digital, tem expertise nos trâmites internos dos bancos e consegue acelerar o processo, que passa inicialmente por quatro etapas: o primeiro deles é a pré-análise de toda documentação do primeiro financiamento para saber se o cliente é apto à portabilidade.

O segundo, é a aprovação do novo crédito, consultando as possibilidades de pagamento. Na sequência, a contratação do novo crédito e, por fim, o registro do novo contrato.

“Em uma simulação, uma pessoa que financiou um imóvel que vale R﹩ 310 mil com juros de 9,14% ao ano e vai pagar em 346 meses, o valor total ao final do financiamento vai ser em torno de R﹩ 371 mil. Com a portabilidade e calculando com juros de 6,99% ao ano que é hoje praticado no mercado, o valor final pode chegar a R﹩ 320.312. É uma economia de quase R﹩ 51 mil, reduzindo praticamente R﹩ 200 no valor das parcelas e uma economia anual de R﹩ 2.4 mil”, finaliza Fernanda.

As pessoas interessadas em se candidatar à portabilidade podem entrar no site https://portabilidade.feli.com.vc e fazer uma primeira simulação.

SOLICITE SEU CARTÃO AQUI

Enviaremos todas as informações pra você.