Ford encerra produção na fábrica de São Bernardo do Campo

Ford São Bernardo

A montadora Ford anunciou nesta quarta-feira (30) que encerrou a produção de veículos na fábrica de São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, depois de 52 anos de sua abertura. A empresa esperava negociar a fábrica com algum interessado desde que o anúncio do fechamento foi feito, há oito meses, mas nada se concretizou até agora.

Saiba mais

Cuponeria anuncia parceria e oferece primeiro mês grátis em academia

Postos de gasolina lideram ranking de cashback no país

A Ford vinha tentando uma negociação com o grupo Caoa para a venda da fábrica, mas informou no anúncio oficial que ainda não chegou a um resultado positivo.

“As negociações envolvendo a venda da planta para o grupo Caoa ainda estão em andamento, sem decisão conclusiva até o momento, e a Ford reitera que continua fazendo todos os esforços cabíveis para alcançar um resultado positivo”, disse a montadora no comunicado.

O fechamento ocorre no ano do centenário das operações da montadora americana no Brasil. A unidade do ABC era uma das fábricas de veículos mais antigas do Brasil.

Ao todo, a fábrica empregava 2.350 funcionários no começo do ano. Desse todo, ficarão apenas mil, que trabalham na área administrativa. Eles serão dispensados em março do ano que vem.

A Ford tem outras duas unidades no país: em Camaçari, na Bahia, onde fica a produção de carros, entre eles o Ka e EcoSport, além de motores, e a fábrica exclusiva de motores e transmissões, em Taubaté (SP). Além disso, existe um campo de provas em Tatuí (SP) onde os carros são testados.

Fim do Fiesta

Com o encerramento das atividades em São Bernardo, a Ford encerra a produção de caminhões e do Fiesta, único carro de passeio produzido no local. O encerramento da fabricação do veículo levou ao corte de 750 funcionários. Com o fim da linha de caminhões, outros 600 funcionários serão dispensados nesta quinta-feira (31).

“Quero agradecer aos funcionários de São Bernardo pelo seu profissionalismo e dedicação durante vários anos. Mesmo após o anúncio feito em fevereiro, eles nunca deixaram de cumprir com suas obrigações, produzindo produtos de altíssima qualidade e cuidando da segurança”, afirmou o presidente da Ford América do Sul, Lyle Watters, em comunicado.

A empresa informou, em fevereiro passado, que o objetivo era encerrar a produção de caminhões na América do Sul. A montadora tem adaptado sua estratégia, focando em produções de SUVs e picapes.

Além disso, a Ford anunciou este ano uma aliança com a Volkswagen para desenvolverem carros em conjunto, o que também reduz custos para ambas as fabricantes.

“Temos uma visão otimista para o Brasil e o futuro da Ford, com a continuidade de nossas operações nas fábricas de Camaçari e Taubaté e no Campo de Provas de Tatuí”, disse Watters.

Cartão Kontaazul

Convite Konta Azul

Sem consulta ao SPC e Serasa, Deixe o seu e-mail.