O que é Tributo? Qual a diferença entre taxa e imposto?

tributos

Os tributos e taxas são nomes que estão incluídos na vida de muitos dos cidadãos, mas se faz necessária entender de maneira mais explícita o que são cada um deles e quais as suas diferenças. Falaremos aqui também quais são os tipo de impostos, quais existem no país, quanto é pago ao governo e ainda muito mais para você.

Veja também:

O que é multa de Mora? Limite legal Juros

Como consultar o Score e CPF de graça

Empréstimo para MEI Banco Santander de até 21 mil

Leia o artigo da nossa matéria até que acabe e saia daqui possuído por conhecimentos acerca deste assunto.

O que são Tributos ?

Os tributos são cobranças feitas que devem ser pagas com dinheiro vivo, com elas não existe acordo para cartão de crédito, cheque ou algo do tipo, o dinheiro nas mãos é o único modo para que o pagamento desses tributos sejam pagos.

Ainda vale lembrar que a pessoa a quem esses tributos são destinados, deve ter a obrigação de pagá-los, ele não tem a opção de querer ou não arcar com esses tributos, se realmente é a ela que eles convém.

Os tributos podem estar contidos dentro dos impostos e de taxas também. Sendo assim, pode-se dizer que impostos são tributos, mas é errado falar que todos os tributos são impostos

Quais são os tipos de tributos?

Ainda podemos dizer que existem alguns tipos de tributos, são eles:

  • Impostos
  • Taxas
  • Contribuição de melhoria
  • Empréstimos compulsórios
  • Compulsões especiais

Para cada uma desses cinco tipos de cobranças de tributos existe um porquê, e seja lá qual for ele, se você foi intimado a pagar por lei você terá que cumprir com o pagamento exigido em dinheiro vivo.

Quais são os tipos de tributos existentes no Brasil?

Os tipos de tributos existentes no Brasil, além de impostos e taxas são a contribuição de melhoria onde o tributo pago volta em forma de benefício para a própria pessoa, também o empréstimo compulsório que apenas quem tem total direito de cobrá-lo é o Governo Federal e existe ainda a contribuição especial que visam contribuir socialmente, contribuir no interesse de profissionais e classes econômicas e ainda na intervenção dessas classes econômicas.

Quais são as características de tributos?

As características que compõem um tributo são como já falamos,eles podem vir em forma de taxas, impostos, por exemplo, e independente do valor que ele venha a estar sendo cobrado para alguém seja pequeno ou grande, deve ser paga por aquela pessoa. 

Ademais, faz-se mister ressaltar ainda, que a quitação desses impostos não podem ser efetuadas com algum tipo de cartão de crédito ou cheques, sua única maneira para se ver livre deles é pagando com dinheiro vivo nas mãos. 

A partir desses caracteres você pode identificar se algo realmente é um tributo ou não. 

Tributos federais

Os tributos Federais são os mais cobrados no território nacional brasileiro, eles representam uma porcentagem total de 65,95% do valor total de todos os impostos recolhidos do país. Os principais deles são:

  • FGTS(Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) 
  • INSS(Instituto Nacional do Seguro Social)
  • PIS(Programa de de integração Social)
  • Pasep (Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público)

Fora esses, ainda existem outros tributos Federais cobrados, que são eles:

  • ICMS(Imposto sobre Operações relativas à Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços)
  • IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores)
  • ITCMD (Imposto de transmissão causa mortis e doação)

Tributo taxa paga ao governo

O tributo de taxa paga ao governo federal é feita a partir da demora do envolvido em pagar com o seu valor cobrado. Ou seja, quanto mais tempo demorar para o pagamento maior ficará a dívida do tributo. No que se desrespeito ao valor atribuído às taxas,elas também precisam ser pagas a dinheiro vivo, não é aceitável nenhum tipo de cheque ou cartão de crédito independente da sua operadora, mesmo que estiver vinculada a uma instituição bancária. 

Qual a diferença entre Taxa e Imposto?

Para entender melhor sobre o assunto de impostos, você tem que compreender a diferença entre taxas e impostos. As taxas costumam ter um valor fixo a ser cobrado e não é levada em consideração a renda atual que o envolvido se encontra. Já ao que se desrespeito o imposto sua quantidade leva em conta algumas variáveis feitas através de porcentagem e dependendo de quem seja o indivíduo ela pode se maior ou menor.

O que são impostos?

Os impostos são cobranças feitas pelo Governo de um país para a melhor  funcionalidade das instituições públicas, todo o dinheiro arrecadado deve ser direcionado à educação, saúde e segurança por exemplo. O valor de impostos vai depender de cada pessoa e o que cada uma vem a consumir.

O que são taxas?

As taxas são possíveis valores que podem ser cobrados através não são de governos, mas como também de instituições financeiras, empresas e outros estabelecimentos comerciais para a quitação de alguma dívida em questão. 

Essa forma acrescentada pode ser aumentada a cada vez em que houver atrasos em pagamentos,mas antes de qualquer negócio fechado as instituições já devem deixá las de maneira explícita em seu contrato para que o devedor tenha a ciência do que pode ocorrer em possíveis atrasos.

Qual a diferença entre tributos impostos taxas e contribuições?

Os impostos, taxas e contribuições estão de maneira direta incluídas dentro de um tributo. Porém em cada um deles existem diferenças e finalidades diferentes. 

Os impostos são a principal fonte de renda dos serviços públicos, e são cobrados em valores diferentes. Já as taxas possuem valores específicos e são destinados a emissão de documentos e coletas de lixo. Enquanto isso, as contribuições são possui um destino certo, aos trabalhadores de pequena renda.

Quanto um cidadão paga de imposto?

O imposto pago pelo cidadão vai variar muito de acordo com a sua renda atual,pois como já falamos, o imposto trabalha dessa maneira. Porém podemos dizer que algumas dessas fases de contribuição podem levar de 7,5% de um rendimento tido no mês, depois essa faixa chega em 15%, logo após a pessoa que tem um ganho mais alto passa a pagar 22,5% do seu rendimento mensal e por último esse valor pode ser representado em 27,5%.

Veja também:

Como emitir DAS Passo a Passo

Empréstimo com cartão de crédito online

Empréstimo para MEI Banco do Brasil