Saiba como declarar o Imposto de Renda e não ter problemas futuros

Imposto de Renda

Todo começo de ano é sempre a mesma correria para declarar o Imposto de Renda. É necessário estar em dia com o Leão para não ter problemas futuros ou mesmo pagar uma multa por não ter feito os procedimentos necessários.

Saiba mais

Confira como resgatar o dinheiro do Imposto de Renda dos últimos cinco anos

Bolsonaro quer ampliar isenção de Imposto de Renda para salário até R$ 3 mil

Com isso, a orientadora financeira Dora Ramos, que possui mais de 30 anos de experiência na área e atualmente é CEO da FHaros Contabilidade e Gestão Empresarial, traz dicas importantes neste texto produzido exclusivamente para o site Konta Azul.

Confira:

As festividades de fim de ano acabaram, e é chegada a hora de se concentrar nas responsabilidades, como o envio da declaração do Imposto de Renda (IR) à Receita Federal. Os primeiros meses do ano são essenciais para planejar e organizar tudo relacionado a finanças, assim, você terá a projeção do cenário dos meses seguintes. O documento exige tempo e paciência, por isso é importante estar bem informado para evitar multas ou quaisquer outros tipos de problemas.

Entre março e abril, ocorre anualmente a declaração de IR, não é algo muito prazeroso de se fazer, mas os cidadãos com rendimentos tributáveis superiores a R$ 28.559,70 devem enfrentar o famoso Leão (animal escolhido na década de 70 como mascote do Imposto de Renda) e prestar contas à Receita Federal. Neste documento, devem ser descritos todos os gastos e rendimentos que foram obtidos durante o ano base.

Quanto maior for a renda do indivíduo, mais alta será a taxa de pagamento do IRPF 2020. Por isso, fique ligado nas tabelas de alíquotas liberadas pela instituição, afinal, será por meio delas que o contribuinte saberá quanto deverá pagar este ano. Todas informações coletadas junto aos valores arrecadados são repassadas para Receita Federal, que direciona para o Governo Federal.

Para adiantar o processo e ajudá-lo na declaração, reunimos algumas informações importantes e a lista de documentos para o IR 2020, que já estão liberadas no site da Receita, confira:

  • Informações gerais;
  • Dados da conta bancária para restituição ou débitos das cotas de imposto apurado, caso haja;
  • Nome, CPF, grau de parentesco dos dependentes e data de nascimento;
  • Endereço atualizado;
  • Cópia da última Declaração de Imposto de Renda Pessoa Física (completa) entregue;
  • Atividade profissional exercida atualmente.

A declaração deve ser apresentada até 30 de abril de 2020, o contribuinte deverá preencher com informações sobre a renda que teve nos 12 meses de 2019. Para quem não consegue arcar com os custos de um contador na hora de se organizar, através de um programa disponível para download no site da Receita Federal, o usuário consegue informar todos os rendimentos pela internet e facilitar o processo.

SOLICITE SEU CARTÃO AQUI

Enviaremos todas as informações pra você.