O que é Swing Trade – Ações Apropriadas Para o Swing Trade

Swing Trade

Atualmente, o mercado conta com diversos tipos de investimentos desde os de baixo risco com os de renda fixa até investimentos de alto risco e de renda variável como ações, opções, moedas etc. É possível ganhar dinheiro com a capitalização e rentabilização desses títulos de maneiras diferentes no curto e longo prazo e neste artigo vamos te ensinar um pouco sobre uma delas, o Swing Trade e ações apropriadas para o Swing Trade.

Veja também:

Que tipo de investimento rende mais?

Custo de oportunidade

Mercado de Capitais

O que é swing trade?

O Swing trade é uma estratégia de ganho e capitalização quando você compra uma ação. Apenas comprar uma ação no mercado não vai fazer automaticamente que ela se torne um rendimento, você tem a opção de vendê-la ou mantê-la esperando que ela se valorize e isso pode ser feito desde o curto prazo (day trade) até o longo prazo (por mais de seis meses). A forma de ganhar dinheiro dessa forma foi denominada de Swing Trade porque normalmente acontece observando e analisando gráficos que acabam formando “ondas” com as métricas de desvalorização e valorização e a partir daí tomando a decisão do melhor momento para vender uma ação, opção etc.

Como funciona o swing trade?

A principal característica do swing trade é operar em dias podendo chegar a algumas semanas. Isso permite uma rentabilidade num menor risco do que o Day Trade por exemplo, fazendo com que o investidor não perca tanto dinheiro caso tome uma decisão errada, bem como seus lucros são moderados. Por isso, a maioria dos investidores que operam dessa forma, optam por ter uma larga e diversificada carteira analisando gráficos semanais na tomada de decisão.

Como operar no Swing Trade

O Swing Trade se caracteriza por uma opção de curto prazo, mas não de curtíssimo prazo como o Day Trade e pode ocorrer desde um período de 3 dias a algumas semanas dependendo da análise de mercado por parte do investidor. O investidor normalmente analisa gráficos de minutos, dias ou semanas dependendo do tempo de análise que ele escolha e por isso seus rendimentos com o Swing Trade são  moderados, fazendo com que esse tipo de investidor opte por uma carteira de investimentos diversificada com ganhos moderados.

Diferença entre Day Trade, Swing Trade e Position?

As principais diferenças entre Day Trade, Swing Trade e Position são principalmente no tempo em que essas transações ocorrem. A Day Trade é de curtíssimo prazo e por isso os ganhos ou perdas podem ser altos se a decisão da venda ocorrer no momento errado já que as análises desses casos se baseiam em gráficos de minutos e as ações são vendidas no mesmo dia. O Swing Trade se parece com o Day Trade, sua principal diferença sendo o tempo que varia de 3 dias e pode levar a algumas semanas e a tomada de decisão acaba analisando gráficos de hora em hora para determinar o melhor momento de venda que ocorre em alguns dias ou semanas. No caso da Position Trade, ela foca em investimentos em ações de longo prazo e optando por ativos/ações que tenham poucas variações (por isso pode ser interessante focar em ações de indústrias de base por exemplo) e aqui são analisados fatores mais amplos como o segmento, mercado, oferta e demanda e não apenas a especulação de valores das ações.

Vantagens do swing trade

  • Não é preciso antecipar movimentos do mercado;
  • A rotina não é tão frenética como para os Day Traders;
  • Você pode esperar uma tendência se confirmar para tomar uma decisão mais assertiva;
  • Custo menores, pois se opera bem menos;
  • Se aproveita mais movimentações do mercado se comparado ao Position;
  • Excelente forma de começar a investir em investimentos de maior risco se você está começando agora;
  • É possível conciliar ser um Swing Trader com outros projetos já que as análises não são constantes.

Como Identificar Ações Apropriadas Para o Swing Trade?

  • É necessário que você possua uma visão ampla de mercado, analisando fatores como a bolsa de valores em geral, depois pelos segmentos da ação (setor em que ela se enquadra) e suas posições;
  • É preciso fazer uma análise técnica a partir de gráficos para identificar o melhor momento para manter ou vender uma ação;
  • É recomendado investir entre 5 e 10 empresas confiáveis, são exemplos setores como bancos, extração de petróleo etc.

Riscos em investir com Swing Trade

Como toda ação, o swing trade opera com custos variáveis, por isso é importante diversificar sua carteira de investimentos em diversos setores e em diversos tipos de empresa. Como você analisa tendências de dias ou semanas, que é um período muito próximo, você pode acabar tomando uma decisão errada e vender uma ação por um preço desvalorizado. Como seus ganhos são moderados, é importante receber esses ganhos de diversos tipos de investimento para acabar não comprometendo seus lucros.

Conclusão

Investir na bolsa não é uma ação para iniciantes no mundo de investimentos, mas há maneiras de se fazer isso minimizando os riscos principalmente para quem começou agora a resolver se arriscar. Optar pelo Swing Trade pode ser uma ótima maneira de começar a analisar tendências de mercado.

Veja também:

Como funciona a letra de câmbio?

É hora de investir em IVVB11? Análise

É hora de investir em FIIS? Análises no Fuds

Cartão Kontaazul

Convite Konta Azul

Sem consulta ao SPC e Serasa, Deixe o seu e-mail.